Categorias

Etiquetas Ecológicas

Há muito tempo ouvimos falar sobre os impactos ambientais causados pelo homem, e que em alguns anos vamos sofrer diretamente com esses danos, os quais, já nos dias de hoje se refletem em nossas vidas.

Pensando nisso desenvolvemos uma coleção diferenciada, a qual propõe aos fornecedores um novo desenvolvimento, são fios especiais, e 100% Poliéster reciclados de garrafa Pet.

DSCN0520_ED

Nossa fábrica existe há 80 anos e nunca causou nenhum tipo de dano ao meio ambiente, e temos orgulho disto, afinal uma indústria que preza também a qualidade de um mundo melhor não se encontra em qualquer ramo.

DSCN0518_ED

Se a sua marca também está ligada ao meio ambiente e de alguma forma você pensa no bem estar de seus clientes, porque não propor uma etiqueta com fios recicláveis? Porque não desenvolver uma coleção com produtos reciclados? Pois é, quando paramos para pensar em ações para tentar minimizar ou simplesmente fazer a sua parte neste processo todo de ajudar o meio ambiente, podemos ir muito longe com nossa imaginação.

DSCN0519_ED

Faça a sua parte, afinal todos devemos colaborar. Com pequenas atitudes fazemos a diferença!

PAINEL DE PRODUTO :: ETIQUETAS BORDADAS

As etiquetas bordadas apresentam, ao consumidor, o ativo mais valioso de uma empresa: sua marca.

Por isso,  uma etiqueta bem elaborada e alinhada a proposta da marca,  pode fazer toda a diferença no momento da compra.

No painel de produtos da Helvetia, encontramos referências de formas e texturas a serem exploradas nas etiquetas bordadas.

Abuse dos fundos e acabamentos diferenciados, para chamar atenção de sua marca no ponto-de-venda.

Veja na imagem abaixo.

Confira mais produtos aqui.

HELVETIA NA TECNOTÊXTIL 2011

Entre os dias 12 e 15 de abril a Helvetia também esteve presente na Tecnotêxtil, vamos dar uma olhada nas fotos do stand.

Durante a feira, a empresa apresentou produtos que envolvem tecnologia na sua fabricação como a etiqueta com chip RFID anti-furto. O sistema funciona da seguinte maneira, um alarme é acionado quando alguma peça de roupa com a etiqueta que não foi desabilitada passa por um sensor.

Outra novidade que a Helvetia expôs, foram as etiquetas fabricadas com poliéster reciclado de garrafas PET que têm tudo a ver com a onda verde atual. As etiquetas feitas com fios de algodão também agradaram muitos clientes que passaram pelo stand, elas possuem um toque suave e também têm o apelo ecológico.

Para aqueles que procuram conforto em suas roupas, a Helvetia apresentou etiquetas com acabamento Karicia, imagem abaixo a esquerda. Esse tipo de produto possui dobras nas laterais da etiqueta evitando assim qualquer possível atrito com a pele. Outro produto que também visa o conforto do usuário são as etiquetas que são cortadas em máquinas de ultrassom, esse tipo de acabamento dá um toque macio às laterais da etiqueta.

Para expor seus produtos, a Helvetia produziu painéis inspirados na Tape Art com fitas adesivas fluorescentes lembrando seu mais novo desenvolvimento, etiquetas que brilham na luz negra.

A empresa também deu destaque aos produtos com cortes a laser diferenciados e termocolantes.

Etiquetas e galões link, com aplicação de silicone e etiquetas com realce, alto relevo, também estavam em destaque no stand.

A Helvetia agradece a todos os clientes e estudantes que passaram no stand para prestigiar e conhecer a empresa.

MANDINGAS DO BRASIL

Camisa da seleção brasileira que será usada na copa de 2010 chega às lojas em duas versões, a oficial, uma reprodução do modelo que será usado pelos jogadores e a réplica com alguns detalhes diferenciados.

Camisa oficial do Brasil

A um mês do ínicio do Mundial, os torcedores começam a preparar os kits para a torcida com muitos itens “para dar sorte” como a réplica da taça, pé de coelho, figa, pé de pimenta, trevo de quatro folhas, olho grego e não poderia faltar a camisa da seleção brasileira, também conhecida como o “Manto Sagrado”.

A Nike já lançou os dois uniformes oficiais, a camisa amarela e a azul. Nas lojas podem ser encontrados dois modelos: o oficial, o mesmo que será usados pelos jogadores em campo e a réplica.

As principais diferenças em relação as duas fica por conta da modelagem que no caso da oficial é mais justa para evitar os puxões dos adversários dentro do campo. Na imagem acima percebemos essa leve diferença, a camisa amarela da esquerda mostra o modelo oficial e a azul da esquerda é a réplica.

Outra diferença fica por conta dos 200 pequenos furos nas laterias cortados a laser que ajudam na ventilação e que não existem no modelo da réplica. Abaixo vemos a imagem da lateral da camisa oficial.

Camisa oficial do Brasil

O escudo CBF é aplicado pela técnica de silk-screen na camisa oficial para tornar o uniforme mais leve e evitar o atrito do bordado com partes do corpo.Veja imagem abaixo.

Camisa oficial do Brasil

O modelo réplica da camisa continua tendo o brasão feito de etiqueta bordada com detalhes como o nome da Brasil e as estrelas bordados sobre o tecido. Eu particularmente prefiro esse modelo de escudo, acho muito mais rico e remete à tradição da seleção brasileira no futebol mundial. Mais detalhes do escudo nas imagens abaixo.

Camisa oficial do Brasil

Camisa oficial do Brasil

Ambos os modelos levam etiqueta bordada de segurança numerada para afirmar a originalidade da peça, foto abaixo.

Camisa oficial do Brasil

A marca esportiva entra na onda ecológica e da sustentabilidade e desenvolveu para o tecido das camisas um poliéster produzido a partir da reciclagem de garrfas PET, matéria-prima do novo uniforme. Cada camisa é produzida com oito garrafas, para saber mais clique aqui.

Pensando nesse amor dos brasileiros pelo futebol e pelas superstições, a Nike produziu um curta com três jogadores contando suas mandingas, veja vídeo abaixo.

Via e via

ANTES E DEPOIS

Antigo sofá ganha novo visual com tecido ecologicamente correto.

Sofá antes de ser reformado

Zizi Carderari passava por uma rua de São Paulo e se deparou com um antigo sofá que “descansava” sob uma árvore. Acreditando no potencial do estofado, Zizi não pensou duas vezes, levou o móvel para ser reformado.

Zizi fez questão de revestir o sofá com tecido reciclado, já que a proposta de achar um móvel na rua e reformá-lo tem tudo a ver com sustentabilidade. Ela escolheu um tecido feito de algodão produzido com retalhos de indústrias de malharia. Uma outra opção seria usar o  jacquard ecológico personalizado feito com poliéster reciclado de garrafas PET.

O resultado da reforma do sofá você pode ver na imagem abaixo.

Sofá depois da reforma

Via